Fique por dentro no Blog Revalide

ASSESSORIA PARA INSCRIÇÕES NA UFMT 2018, DOCUMENTAÇÃO INCOMPLETA COMO DEVERÁ PROCEDER

Prezado (a) Doutor (a) Médico (a) Revalidando (a),
Receba nossas considerações!
Estão nos chegando centenas de mensagens, relacionadas as inscrições na UFMT 2018, de médicos que já concluíram os seus cursos no exterior e ainda não possuem em mãos, por exemplo, o diploma, Histórico Escolar, Ementas Curriculares, Carta de Acreditação do Curso, entre outros.
Afinal existe a POSSIBILIDADE de se efetivar uma inscrição na UFMT 2018 (Cuiabá), condicionando à apresentação dos documentos FALTANTES no momento da efetiva revalidação, ou seja, no final do processo ou em outro instante a ser determinado pelo Juiz (que julgará a ação judicial), pelo fato de ainda não possuir à época determinada para as inscrições todos os documentos necessários? Tentaremos lhes responder com a maior clareza possível.
Todas as regras de um processo de REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS, são ditadas por um edital, que ainda será publicado, no caso da UFMT.
No caso especificado, embora já tenham concluído (LEIA-SE É NECESSÁRIO TER TERMINADO A GRADUAÇÃO MÉDICA) em instituições de ensinos superiores localizadas no exterior, o fornecimento dos aludidos documentos, não lhes será disponibilizado em tempo hábil, pois são casos que dependem, ainda, de trâmites burocráticos (os documentos já foram solicitados mas não foram ainda emitidos pela faculdade estrangeira ou encontram-se em tramitação para legalização). Porém, entendemos, que tal circunstância não poderá impedir as participações de revalidandos no processo de inscrição em referência, até que possam apresentá-los, durante o período de revalidação.
Neste sentido já possuímos decisões judiciais favoráveis de clientes que já representamos ano passado (2017), onde os Juízes “determinaram a UFMT, que efetivasse as inscrições dos médicos, não as indeferindo, independentemente de apresentação do Histórico Escolar, Ementas Curriculares e ou Carta de Acreditação do Curso, os quais no caso especifico estavam em outros país, ficando condicionadas às apresentações nos momentos das efetivas revalidações.”
Dependendo da situação que deverá ser analisada caso por caso, pela nossa Assessora Jurídica, a renomada Dra Mirtys Fabiany de Azevedo Pereira, lhes diremos sobre a possibilidade de assegurar aos médicos que se encontrarem nesta situação, se terão ou não o direito à inscrição no programa de Revalidação de Diploma de Médico Graduado no Exterior da UFMT 2018, sem estar de posse de toda a documentação exigida.
Ressaltamos que inexiste “causa ganha”, se alguém lhes disser isso desconfie. O que lhes podemos ofertar é a nossa experiência profissional, ao longo destes 14 anos de dedicação a esta causa, com milhares de diplomas já revalidados, através do nosso trabalho. O Resultado de uma ação pode dar certo ou não porque dependerá do julgamento de um Magistrado. Nunca os diremos com medo de perdê-los ou para simplesmente conquistá-los que desejam ouvir. Entendemos que é normal haver ansiedade e expectativas. Aqui não necessitamos vendemos ilusões, ou falsas verdades. CREDIBILIDADE É ALGO QUE SE CONQUISTA, NÃO PODE SER IMPOSTA! Aos recalcados de plantão recebam o nosso “beijinho no ombro”.
Para contar com a assessoria do http://www.revalide.com.br envie o seu email para .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) e .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail)  com o assunto (INSCRIÇÃO UFMT 2018- DOCUMENTAÇÃO INCOMPLETA), que lhe remeteremos todas as informações necessárias, valores e documentações e como deverão proceder. Contacte-nos.
Fonte: REvalide