Fique por dentro no Blog Revalide

Assistam! Publicadas partes da palestra ocorrida em Rio Branco

Disponibilizadas a primeira , segunda, terceira e quarta partes da Palestra ministrada pela Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira, em Rio Branco-AC. Houve a necessidade de subdividir em várias partes que publicaremos no decorrer do mês em função do tamanho..
Aproveitem e se inscrevam no nosso canal no YOUTUBE “Revalide- Revalidação de Diplomas Estrangeiros”
https://www.youtube.com/channel/UCitsnZ0Et0hTK3gnfj_H_nQ
Compartilhem, de likes, APAREÇAM! Convidem todos os seus amigos, parentes… As suas participações são muito importantes para nós.
Parte 1
https://www.youtube.com/watch?v=jAin00JrPC8
Parte 2
https://www.youtube.com/watch?v=L4bZyw9mGTQ
Parte 3
https://www.youtube.com/watch?v=2Ctx1eGeJc0
Parte 4
https://www.youtube.com/edit?o=U&video_id=kmWAKmbpshw
Att. Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira
Fonte: Revalide

Bom dia Rio Branco- estávamos lá.

A Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira, no último dia 07/04/2017, teve a honra de ser convidada a participar ao vivo do programa Bom Dia Rio Branco, com o Carismático apresentador THIAO SILVA da TV Rio Branco afiliada ao Sistema Brasileiro de Televisão– SBT. Agrademos pelo carinho que fomos recebidos.
Assista:
http://www.oriobranco.net/programa/bom-dia-rio-branco-07-04-2017/3827
Fonte: REvalide

Entrevista Concedida a TV ACRE REDE AMAZÔNICA-TV GLOBO

Agradecemos a Apresentadora Aline Vieira, da TV Globo- Rede Amazônica de Rádio e Televisão e a Repórter Débora Ribeiro, pela entrevista e espaço concedido.
Assistam a reportagem na íntegra:
http://g1.globo.com/ac/acre/acre-tv/videos/v/sintesac-promove-palestra-sobre-revalidacao-para-estudantes-de-medicina-em-rio-branco/5785378/
Fonte: Revalide

NOSSA BREVE E APAIXONANTE PASSAGEM POR RIO BRANCO-AC

Vinte e quatro horas no Acre, foi o tempo suficiente para me apaixonar! Apaixonar principalmente pelas pessoas, pelo carinho com que fui recebida, pelos sorrisos, pela amabilidade deste provo tão acolhedor.
Engraçado como em nossas vidas passam milhares de pessoas a cada ano. Essas pessoas chegam, nos conquistam e por um motivo ou outro se vão… Alguns dizem que sempre levam um pouco de nós e deixam um pouco de si!
A cada dia plantamos uma nova semente, sem nunca esquecermos de cuidar daquelas que já estão desabrochando. Amizade é algo divino! Quem tem um amigo de verdade, que tem por você um amor incondicional, sabe do que estou falando…
Não há maior privilégio do que sentir que a vida nos está concedendo um grande número de bênçãos. É a satisfação de perceber que todo o nosso esforço não está sendo em vão. E compreender que vale a pena lutarmos por nossos sonhos, fará de nós pessoas mais batalhadoras.
Agora sim, posso sentir verdadeira gratidão. Agradecer porque hoje sou feliz, sabendo que todos os QUINZE ANOS de trabalhos dedicados a Revalidação de Diplomas, não é mera ilusão. Sou eternamente grata a você, MÉDICO (a) REVALIDANDO (a) que têm um papel significativo na minha vida. Que me fez estudar, aprimorar, crescer, melhorar, ACREDITAR QUE SONHOS SÃO POSSÍVEIS DE SE REALIZAR.
Agradeço ao Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac), pelo convite e em especial a idealizadora do evento FRANCINEIDE e ao seu amor o “Barata” que me receberam de uma forma tão calorosa.
Aos veículos de Comunicação do Estado do Acre, pela cobertura do evento e por se preocuparem com uma causa tão especial e necessária.
Ao Deputado Estadual Janilson Lopes Leite, Médico Infectologista, graduado em Cuba, -que já tive o prazer em tê-lo como cliente-, parabenizamos pelo trabalho que tem sido feito em prol do povo Acreano. Conhecemos a sua batalha e sabemos o quanto é capacitado para o cargo que ocupa. A sua presença em nosso evento veio abrilhantá-lo ainda mais. Conte conosco para o que for necessário. 
A vocês queridos revalidandos, pais de revalidandos, presentes no evento, AGRADEÇO, pelo seu tempo e disponibilidade. Que de alguma forma eu possa ter contribuído para aclarar as suas dúvidas concernentes a Revalidação de Diplomas no Brasil. Saibam que estamos sempre à sua disposição e jamais permitam que duvidem dos seus sonhos e capacidades. Tenho certeza que vencerão, ACREDITEM! 
Att. Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira
Fonte: Revalide

Rumo ao Rio Branco-Ac

A Nossa Assessora Jurídica a Competentíssima Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira estará no Rio Branco-AC a partir de amanhã até o dia 08/04/2017, onde participará de várias reuniões sobre o Tema REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS.
AGENDA DA DRA MIRTYS
07/04/2017- TV RIO BRANCO ás 6:30- SBT Sistema Brasileiro de Televisão
07/04/2017- Rádio Boas Novas 9:00 Hs
Rádio Gameleira- a Confirmar
07/04/2017- das 18:00 às 21:00 hs PALESTRA: “A revalidação de diplomas médicos, nos dias atuais frente à nova resolução”, no auditório da Livraria PAIM, localizado à Rua Rio Grande do Sul, 182, Centro, em Rio Branco.
Fontes:Revalide, Revalmed e Sintesac

Sintesac promove palestra sobre revalidação de diplomas de medicina em Rio Branco

Publicado em 05 de abril de 2017 às 13:33
O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac) em parceria os sites Revalide e Revalmed promovem uma palestra com o tema “A revalidação de diplomas médicos, nos dias atuais frente à nova resolução”, onde vão ser tratados temas revalidação de diplomas médicos no brasil: as novas inscrições, Programa Mais Médicos, complementação de estudos e revalida 2017. O evento acontecerá no auditório da Livraria PAIM, localizado à Rua Rio Grande do Sul, 182, Centro, em Rio Branco, na próxima sexta-feira (7), das 18h às 21hs com intervalo para coffee break.
As vagas são destinadas a médicos e estudantes no exterior e para autoridades locais. A palestra será ministrada pela advogada mineira Mirtys Fabiany (OABMG nº 129206), especialista em revalidação de diplomas médicos e com 14 anos de experiência e milhares de diplomas médicos revalidados.
Os interessados deverão confirmar as suas presenças pelos e-mails: .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) ou .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail), enviando o nome completo, telefone de contato e o nome da universidade onde estudou/estuda e aguardar a confirmação. Será necessário o envio da comprovação de conclusão do curso ou de que está cursando medicina no exterior.
Ações da advogada
No Programa Mais Médicos ingressou com as primeiras ações judiciais por conta das ilegalidades no processo de seleção, onde os médicos tiveram frustradas suas expectativas de participarem da seleção pública. Através de ações judiciais propostas a partir de 2013, mais de 500 (quinhentos) médicos conseguiram ingressar no programa e seguem trabalhando.
Por conta disso, o Ministério da Saúde, recuou e retirou a exigência e não mais barra médicos brasileiros graduados no Paraguai, Bolivia e outros.
https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/estado/2013/09/02/justica-beneficia-estrangeiros-excluidos-do-mais-medicos.htm
http://saude.estadao.com.br/noticias/geral,formados-na-bolivia-paraguai-e-venezuela-conseguem-na-justica-participar-do-mais-medicos,1070572
http://veja.abril.com.br/saude/justica-beneficia-estrangeiros-excluidos-de-programa/
https://noticias.terra.com.br/educacao/sem-padronizacao-revalidar-diploma-do-exterior-e-desafio-nopais,f4b942ba7d2da310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html
https://www.facebook.com/mirtysfabiany.azevedopereira/photos?pnref=lhc
Fonte:http://www.sintesac.com.br/noticia/sintesac-promove-palestra-sobre-revalidacao-de-diplomas-de-medicina-em-rio-branco-2

FAÇA A SUA INSCRIÇÃO PARA A PALESTRA. PARTICIPE!

Seguimos efetivando as inscrições para a Palestra Gratuita Sobre Revalidação de diplomas médicos, em Rio Branco-AC, no dia 07/04/2017.
Os interessados em participar devem enviar IMEDIATAMENTE, um email para .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) com o assunto PALESTRA, telefone de contato e nome completo.
Informamos que já estamos enviando e-mails com confirmações aos candidatos inscritos para o evento. Não fique de fora! Ainda dispomos de vagas.
Fonte: Revalide e Revalmed

PALESTRA GRATUITA EM RIO BRANCO-AC NO DIA 07/04/2017

No próximo dia 07 de ABRIL de 2017, os sites Revalide, Revalmed e o Sindicato do Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac) realizarão, das 18h às 21hs com intervalo para coffee break, palestra GRATUITA sobre REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS, cujo tema abordado será “A REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS, NOS DIAS ATUAIS FRENTE À NOVA RESOLUÇÃO”.
O evento ocorrerá no Auditório da Livraria PAIM, localizado à Rua Rio Grande do Sul, 182, Centro, Rio Branco-AC e a palestrante será a Renomada Doutora Mirtys Fabiany de Azevedo Pereira. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas através dos e-mails: .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) ou .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) e também no local.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (38) 99190-0041, pelos sites http://www.revalide.com.br ou http://www.revalmed.com.br.
Você médico ou acadêmico de medicina graduado ou que está se graduando no exterior é o nosso convidado!
CONTAMOS COM A SUA PRESENÇA! Ficaremos imensamente felizes em dividir com vocês as nossas experiências. Possuímos em nosso currículo, milhares de diplomas revalidados através dos nossos trabalhos. Trabalho este sempre pautado na seriedade, ética, transparência e respeito ao revalidado.
Revalide, Revalmed e Sintesac
Fonte: REvalide

ATENÇÃO! ALTERADA A DATA DA PALESTRA GRATUITA EM RIO BRANCO-AC PARA O DIA 07/04/2017

Informamos que em função das inscrições na UFMT 2017 se encerrarem no dia 31/03/2017 e em respeito aos nossos representados que ainda estão com as suas documentações com PENDENCIAS ou em trâmite para Cuiabá-MT, devido também a problemas nos Correios- que estão com documentos paralisados em Várzea Grande-MT, por mais de 20 dias, em função de uma GREVE INTERNA- e provavelmente a Nossa Assessora Jurídica a Dra Mirtys Pereira, poderá ser deslocar a Cuiabá, a qualquer momento, caso se faça necessário.
Assim achamos por bem, REMARCARMOS a PALESTRA GRATUITA que aconteceria no dia 30/03/2017 (quinta feira) em Rio Branco-AC, ministrada pela Renomada Doutora Mirtys Fabiany de Azevedo Pereira, cujo tema será: “A REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS, NOS DIAS ATUAIS FRENTE À NOVA RESOLUÇÃO”.
O grandioso evento foi REMARCADO PARA O DIA 07/04/2017 (Sexta-feira) e nas proximidades do acontecimento, lhes comunicaremos através dos nossos canais sobre o local e horário.
Agradecemos a compreensão de todos e nos desculpamos. Desde já nos colocando à sua disposição!
Não duvidem que este evento será grandioso, principalmente porque teremos um tempo maior para prepará-lo.
CONTAMOS COM A SUA PRESENÇA! Ficaremos imensamente felizes em dividir com vocês as nossas experiências. Possuímos em nosso currículo, milhares de diplomas revalidados através dos nossos trabalhos. Trabalho este sempre pautado na seriedade, ética, transparência e respeito ao revalidado.
Fonte: REvalide e Revalmed

ATENÇÃO! NOVAS INSCRIÇÕES PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS A CAMINHO

Conforme já informamos aos nossos clientes na Palestra realizada pela respeitada Dra Mirtys Fabiany Azevedo Pereira e nos vídeos publicados no nosso canal:
https://www.youtube.com/channel/UCitsnZ0Et0hTK3gnfj_H_nQ
todas AS UNIVERSIDADES PÚBLICAS deverão abrir NOVAS INSCRIÇÕES PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS, mesmo aquelas que fazem parte do REVALIDA, tudo isso em função da NOVA PORTARIA NORMATIVA Nº 22, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2016 (MEC) publicada no DOU de 14/12/2016 (nº 239, Seção 1, pág. 9). Vejamos:
“§ 1º - Os diplomas de graduação expedidos por universidades estrangeiras serão revalidados por universidades públicas que tenham curso do mesmo nível e área ou equivalente, respeitando-se os acordos internacionais de reciprocidade ou equiparação.
Parágrafo único - Os procedimentos de análise de que trata o caput deverão ser adotados por todas as instituições brasileiras, observados os limites e as possibilidades de cada instituição.”
Assim, universidades como a UFMS, UFC, UFPB, UFRN, UFAM, UFPA, etc que tem um alto índice de revalidação de diplomas e ofertam a complementação de estudos, deverão cumprir a legislação. Ocorre que NENHUM EDITAL DE ABERTURA DESTAS INSCRIÇÕES FOI PUBLICADO AINDA PELAS UNIVERSIDADES PUBLICAS e assim não podemos nos manifestar sobre o que ocorrerá nestas inscrições. Onde será mais benéfico, por escolher a universidade x ou Y.
O que temos a ofertá-los é a nossa vasta experiencia em revalidação de diplomas médicos, afinal são 14 anos dedicados a causa e temos em nosso currículo milhares de diplomas já revalidados. CHEGAR ATÉ AQUI NÃO FOI FACIL NÃO!
Dentre os pontos controversos da nova resolução estão a VEDAÇÃO DE PEDIDOS CONCOMITANTES EM VÁRIAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS e O DIREITO A PROTOCOLIZAR APENAS DOIS PEDIDOS DE REVALIDAÇÃO, ou seja, se você ingressar com um pedido em um ano e este for INDEFERIDO, você poderá tentar mais uma vez apenas, o que a nosso sentir é TOTALMENTE ILEGAL. Existem outros pontos controversos, que já foram estudados por nós.
“Art. 8º - É vedada a apresentação de requerimentos de revalidação ou de reconhecimento iguais e simultâneos em mais de uma instituição revalidadora/reconhecedora.
Art. 9º - Para a apresentação do pedido, o requerente deverá assinar termo de aceitação de condições e compromissos, o qual incluirá declaração de autenticidade dos documentos apresentados, bem como o atendimento ao disposto no artigo anterior.”
“Art. 47 - Denegada a revalidação ou reconhecimento do diploma e esgotadas as instâncias recursais no âmbito da instituição, será assegurada ao interessado apenas uma nova solicitação em outra instituição, para o mesmo diploma.”
E vocês podem nos estar perguntando porque estamos indicando a INSCRIÇÃO NA UFMT 2017? Simplesmente porque sabemos que lá- NA UFMT- a complementação de fato será permitida e sabemos também o prazo e a forma que deve ser efetivada. E nas demais alguém sabe dizer como eles farão este novo processo? Qual a grade curricular a ser complementada? Como serão as provas aplicadas? A UFMG por exemplo quando ofertou a complementação de estudos, emitiu um parecer de mais de DUAS MIL HORAS. Quem consegue complementar isso?
Bem meus amigos, NINGUEM tem bola de cristal para prevê o que vai acontecer. E os espertalhões de plantão que estão tentando prevê e induzir vocês ao erro, podem complicá-los e muito. Principalmente porque estão caindo de para quedas no processo revalidatório que te asseguramos é algo bem complexo.
Informamos que abaixo estão todos os documentos que serão solicitados pelas universidades através deste novo procedimento. Já procurem os ter em mãos.
Não sabemos ainda a forma a serem apresentados os documentos. Devem autenticá-los? Qual será a taxa cobrada para a análise documental? A titulo exemplificativo a UFMS no seu último processo efetivado de forma ordinária cobrou o importe de R$7.500,00 (SETE MIL E QUINHENTOS REAIS) e a UFAM R$5000,00 (CINCO MIL REAIS) para analisar um pedido de revalidação (e nos derrubamos esta taxa na justiça). Agora quanto cobrarão? As respostas de todos estes questionamentos, nos serão dadas apenas nas publicações dos editais. Entenderam agora?
Informamos que tomaremos todas as medidas necessárias em prol do nosso cliente para assegurar o melhor para estes.
Faça a sua inscrição ou entregue os seus objetivos a quem entende realmente do assunto, quem possui no-hall. Desconfie do barato, do papudo “labioso”, que não tem um currículo a altura do que você merece, que está entrando de gaiato no processo revalidatório porque acha que fazer um trabalho com excelência é fácil, copiando processos alheios. E depois? Com certeza te deixará a ver navios! Verifique o seu nome, os anos que atua neste procedimento.
Por fim vale mencionar que a Dra Mirtys Fabiany de Azevedo Pereira, é Assessora Jurídica dos sites Revalide http://www.revalide.com.br  e do Revalmed (Dimas) http://www.revalmed.com.br ou seja, ela responde pelos dois.
Para ser representado pela nossa equipe, envie um email para .(O JavaScript deve estar ativado para ver este endereço de e-mail) com o ASSUNTO (NOVAS INSCRIÇÕES).
Fonte:REvalide
Da Documentação de Revalidação
Art. 12 - Os requerentes deverão instruir os pedidos de revalidação com os seguintes documentos:
I - cópia do diploma;
II - cópia do histórico escolar, no qual devem constar as disciplinas ou atividades cursadas e aproveitadas em relação aos resultados das avaliações, bem como a tipificação e o aproveitamento de estágio e outras atividades de pesquisa e extensão;
III - projeto pedagógico ou organização curricular do curso, indicando os conteúdos ou as ementas das disciplinas e as atividades relativas à pesquisa e extensão, bem como o processo de integralização do curso, autenticado pela instituição estrangeira responsável pela diplomação;
IV - nominata e titulação do corpo docente responsável pela oferta das disciplinas no curso concluído no exterior, autenticada pela instituição estrangeira responsável pela diplomação;
V - informações institucionais, quando disponíveis, relativas ao acervo da biblioteca e laboratórios, planos de desenvolvimento institucional e planejamento, relatórios de avaliação e desempenho internos ou externos, políticas e estratégias educacionais de ensino, extensão e pesquisa, autenticados pela instituição estrangeira responsável pela diplomação; e
VI - reportagens, artigos ou documentos indicativos da reputação, da qualidade e dos serviços prestados pelo curso e pela instituição, quando disponíveis e a critério do requerente.
§ 1º - Os documentos de que tratam os incisos I e II deverão ser registrados por instituição estrangeira responsável pela diplomação, de acordo com a legislação vigente no país de origem, apostilado no caso de sua origem ser de um país signatário da Convenção de Haia (Resolução CNJ nº 228, de 22 de junho de 2016, do Conselho Nacional de Justiça) ou autenticado por autoridade consular competente, no caso de país não signatário.
§ 2º - No caso de cursos ou programas ofertados em consórcios ou outros arranjos colaborativos entre diferentes instituições, o requerente deverá apresentar cópia da documentação que fundamenta a cooperação ou consórcio, bem como a comprovação de eventuais apoios de agências de fomento internacionais ou nacionais ao projeto de colaboração.
§ 3º - No caso de dupla titulação obtida no exterior, o requerente poderá solicitar a revalidação dos dois diplomas mediante a apresentação de cópia da documentação que comprove a existência do programa de dupla titulação, bem como o projeto pedagógico ou organização curricular que deu origem à dupla titulação.
Art. 13 - A instituição revalidadora poderá solicitar informações e procedimentos complementares acerca das condições de oferta do curso para subsidiar o processo de exame da documentação.
§ 1º - A instituição revalidadora, quando julgar necessário, poderá solicitar ao requerente a tradução da documentação prevista no art. 12 desta Portaria.
§ 2º - O disposto no parágrafo anterior não se aplica às línguas francas utilizadas no ambiente de formação acadêmica e de produção de conhecimento universitário, que são: o inglês, o francês e o espanhol.
§ 3º - A instituição revalidadora, quando julgar necessário, poderá aplicar provas ou exames que abrangem o conjunto de conhecimentos, conteúdos e habilidades relativo ao curso completo ou dedicado a etapa ou período do curso, ou, ainda, a disciplina específica ou atividades acadêmicas obrigatórias.
Art. 14 - Refugiados estrangeiros no Brasil, que não estejam de posse da documentação requerida para a revalidação e outros casos justificados e instruídos por legislação ou norma específica, poderão ser submetidos a prova de conhecimentos, conteúdos e habilidades relativas ao curso completo, como forma exclusiva de avaliação destinada ao processo de revalidação.
Parágrafo único - Para fins do disposto neste artigo, o requerente deverá comprovar sua condição de refugiado por meio de documentação específica, conforme normas brasileiras, anexando ao processo a documentação comprobatória dessa condição, emitida pelo Conselho Nacional de Refugiados do Ministério da Justiça - CONAREMJ.
Art. 15 - As provas e os exames a que se referem os arts. 13, § 3º, e 14, deverão ser ministrados em português, organizados e aplicados pela instituição revalidadora, salvo nos casos em que a legislação indicar a organização direta por órgãos do MEC.